Famosos que sobreviveram as chamas

Sua mãe sempre disse pra não brincar com fogo não é ? Pena que os famosos não seguem essa máxima. Por isso hoje vamos falar das personalidades que já se queimaram por aí, começando por uma das queimadas mais clássicas de todos os tempos, o incêncio na cabeça de Michael Jackson.

Dizem por aí que este acidente fez Michael iniciar o processo de loucas cirurgias plásticas na face. Será verdade ? Será mentira ? Vejam o video.

outro acidente polêmico envolvendo o fogo é o incêndio no corpo de Gugu Liberato. No famoso programa Viva a noite, aquele do pintinho amarelinho que cabe aqui na minha mão, Gugu, num desespero para aumentar a audiência, ou mesmo pura imprudência, resolveu entrar num tunel cheio de fogo com uma roupa supostamente apropriada para isso. O problema é que o túnel era realmente muito longo … no final, Gugu desesperado queima as mãos. Se for pra ver só um video desse post, veja esse:

Dessa vez não foi bem o artista que pegou fogo, mas não podemos esquecer de quando o Xuxa Park pegou fogo. Os engraçadinhos chamam o video de Xuxa em Xamas. Felizmente todos se recuperaram, mas fica a dúvida: será que o café da manhã clássico também pegou fogo ?

Por fim, um famoso que está pegando fogo até hoje. E digo mais, fogo no rabo ! E digo mais ainda, ele gosta de ter fogo no rabo !!! Quem será ? Você conhece ?

Tempo para refletir

.
.
.

tic

tac

.
.
.

Pokemon mais safadinho da face da Terra … quer dizer, de Johto, ilhas laranjas e sei lá mais que continentes existem no mundo Pokemon. Mas quem resiste a ele falando um Char Char ? Tem coisa mais meiga ?

Top 7 gatos dos videogames

Antes de começar a lista, quero dizer que ao fazer essa lista percebi que SNK é um fracasso pra fazer gatos dos games. Nenhum deles é da SNK. Isso que eles fizem milhões de jogos em que podiam botar caras bonitos, fortinhos e musculosos como King of Fighters, Art of Fighting, e etc. Não acho os irmãos Bogard bonitos.

Eis a lista.

7. Bubsy: Gatinho mesmo !!! Vocês acharam que eu tava falando de personagens humanos néééé´? Na real tava sim, esse era só pra avacalhar. Continuem lendo que agora a lista fica séria.

6. Ryu (Street Fighter): O kimono rasgado, a faixinha na cabeça, coisa meiga né ? O Ken é legal também, com aquela vidinha de playboy ricaço, mas nunca curti o cabelo meio comprido, meio mullets dele (nem o cabelo punk do Guile). Akuma e demais personagens nem precisa explicar porque não foram escolhidos né? E Mortal Kombat, nossa, outro que ninguém se salva. Porque, novamente pergunto, praticamente só colocam caras feios nos games?

5. Axel Stone (Streets of Rage): O único problema do Axel é que ele era meio musculoso demais, mas sei lá, o fato de ele ser policial defensor da justiça dá uns pontos extras pra ele : P

4. Solid Snake (Metal Gear): Tá, no Metal Gear 4 ele tá véio, mas ele teve seus tempos áureos.

3. Chris Redfield (Resident Evil 1) Só joguei um pouquinho de Resident 5 com ele então não tenho muito o que dizer, mas ele tem uma carinha bonitinha.

2. Leon Kennedy (Resident Evil 4): Talvez o Chris até seja mais bonito, mas como o Leon fez parte dos melhores Residentes, isto é, o 2 e o 4, criei uma afinidade melhor com ele. E isso conta nesse ranking.

Antes de dizer o primeiro lugar, deixem eu contar um segredo pra vocês. A idéia de fazer esse post veio depois de eu jogar Uncharted 2, um jogo exclusivo só pra quem tem Playstation 3 (isto é, só pra quem tem dinheiro e poder). Isto porque nesse jogo tem o personagem mais lindo e sexy de todos os jogos ever. Ou seja, na verdade todos os outros top 6 são só uma desculpa pra eu falar de Nathan Drake, o primeiro lugar da lista.

1. Nathan Drake (Uncharted)

Uma coisa que eu sempre achei meio tosca era a babação de ovo em cima da Lara Croft. O que me incomodava era o fato de que a Lara Croft não era bonita. Quer dizer, ela eventualmente virou uma personagem bonita, mas em Tomb Raider 1, seu jogo de estréia, ela era só pixels, quero dizer, ela era toda quadradona, com uma cor só na pele, sem detalhe nenhum, sequer parecia um personagem real. Tipo, cada peito dela era um pixel quadrado gigante e tinha gente que achava isso sexy. O jogo era de 1996, pelo amor de Deus, nem tinha como fazer um personagem bonito com o poder de processamento da época. Mas sempre tem gente que com a sua imaginação viam uma mulher linda ali. Claro que depois pegaram a Angelina Jolie pra interpretar ela, e ai sim a mania Lara Croft ficou justificável. Certo que Brad Pitt jogava Tomb Raider. Ou passou a jogar depois.


Puro pixel

O fato é que pouco a pouco, o poder de processamento das placas gráficas foi aumentando, e os personagens dos videogames foram ficando cada vez mais realistas. Óbvio que eu já sabia que isso estava acontecendo, mas só ficou realmente claro quando joguei Uncharted 2, o primeiro jogo com um cara a ser realmente bonito.

Mas o que faz ele ser gato não é só o visual, é o fato de ele ser irônico (sempre fazendo piadinha de duplo sentido), tem essas roupas de aventureiro sexy, é inteligente (ele sabe tudo sobre história e arqueologia, e desvenda as armadilhas mais dificeis), ele é forte, entre outros atributos.

Enfim, ele é praticamente um Sawyer de Lost. Não vejo a hora por um filme de Uncharted com um ator bem bonito pra fazer o Nate. Tomara que ele o filme vença a maldição de jogos baseados em games serem ruins.

Pena que ele gosta da TOTALMENTE sem graça e SEM SAL da Elena ao invés da Chloe, essa sim uma personagem sexy e legal.


Chloe malandrinha

E fiquem com outra lista de gatos dos games caso não tenham ficado satisfeitos com a minha.

Madonna, Jesus Luz e a solução para o Brasil

Depois da morte de Michael Jackson, a morte pop mais aguardada é a de Madonna, Madonna reina agora sozinha no mundo do pop, quer dizer, Lady Gaga está tentando chegar lá, mas falta muito né? Mas voltando a Madonna, sempre admirei muito a coragem dela de romper dogmas da sociedade. Ela já se vestiu de freira, já foi virgem, já foi lésbica com Britney Spears (e com outras mulheres), já foi praticamente tudo que você puder imaginar.

Nós Brasileiros passamos a bisbilhotar e se interessar ainda mais pela diva do pop depois que ela começou a criar pegar o brasileiro Jesus Luz. Mas a relação, às vezes conflituosa, de Madonna com o Brasil vem de muitos anos. Ela protagonizou, em entrevista com outra loira brasileira cinquentona que também é chegada num garotão, um duelo de titãs. Foi na entrevista sensacional que ela concedeu em meados dos anos 90 à Gabiherpes Marília Gabriela. O inglês precário de Gabi junto com as respostas lacônicas e monossilábicasde Madonna tornam a conversa bizarra, chegando ao ponto da Gabi implorar por respostas melhores e Madonna se desculpar.

Como deu pra ver, a cantora americana fica até mostrando que é, ou parecendo, chata em certos pontos da entrevista. Mas na real ela é legal. Além de adotar crianças da África, ano passado, por exemplo, ela esteve no Brasil e o motivo não foi apenas pegar ‘visitar’ Jesus. Ela esteve aqui para angariar doações de brasileiros ricaços para a ONG que ela mantém no Rio de Janeiro. Em apenas um jantar com o megamilionário Eike Batista, no qual Luciano Huck e Angélica também estiveram presentes (de certo só pra tietar a Madonna, mas isso não vem ao caso) a cantora consegui arrecadar 7 milhões de dólares do Eike para ajudar as crianças de nosso país de sua ONG. Pra se ter uma idéia, isso é mais que toda a soma que o Criança Esperança, o programa comandado por Renato Aragão, recebeu ano passado. Tipo, num jantarzinho casual de nada, a Madonna arrecadou mais que um dia inteiro de shows na Rede Globo no qual os artistas brasileiros passam o dia todo pedindo doações. E vocês achando que o Criança Esperança resolvia muita coisa.

Conclusões:

1. Se o Didi Mocó fosse a Madonna, as crianças brasileiras estariam salvas a muito tempo.

2. Os modelos brasileiros gostosos bonitos amassem seu país e fossem patriotas de verdade, eles namorariam cantoras ou atrizes estrangeiras ricas com tendências de ajudar os mais necessitados. Ou seja, Paulo Zulu, Rodrigo Santoro e outros gatos só gatos do Brasil deveriam, por exemplo, fazer Angelina Jolie dar um pé na bunda de Brad Pitt e namora-la.

Traumas de infância: o café da manhã da Xuxa

Existem muitos traumas de infância sérios como ter medo do Fofão, velho do saco ou bruxa do 71. Mas eu não tenho nenhum deles.

Sei que pode parecer estranho, mas um dos meus traumas é com o café da manhã da Xuxa. Vamos as explicações.

Lá por 91, 92, quando eu tinha em torno de 7 anos, o Xou da Xuxa era o programa que toda a criança assistia nas manhãs da Globo, nem que fosse só pelos desenhos como Caverna do Dragão, He-Man e Thundercats.

Como o programa passava bem cedo, umas 8 da manhã, a Xuxa aproveitava e tomava café da manhã no início do programa. Funcionava assim: chegava um carinha com uma bandeja cheia de delícias, com tudo que você puder imaginar: pães, frutas sortidas, presunto, queijo, iogurtes, alfajores, geléias, mel, requeijão, doce de leite, biscoitos, bolos, tá me dando uma fome … vê aí pra relembrar bem (alerta: não assista se estiver fazendo dieta).


Spoiler: Xuxa vai comer várias delícias.

Assistiram o video? Notaram a gana da platéia em comer aquele café da manhã mágico?

O problema maior é que o meu café da manhã era sempre algo como um pão francês e tipo 2 ou 3 variedades de coisa pra passar em cima, sendo uma delas manteiga, e pra beber, apenas água ou leite com achocolatado. É que convenhamos, nenhuma mãe se dá ao trabalho de comprar tantas variedades de coisas, até porque logo estraga e tal. Só que era frustrante ter aquele café da manhã enquanto a Xuxa comia todas aquelas gostosuras maravilhosas na nossa frente.

Na real, tinha uma coisa que revoltava mais ainda. O fato de na realidade ela não comer aquelas delícias maravilhosas. Assim ó, chegava o garçom (que às vezes era uns paquitos gatinhos, mas na época eu nem reparava nisso) com a bandeja repleta de sabores e quitutes e ela comia uma coisinha aleatória, e dava o resto pra platéia. Tipo, ter tudo aquilo e comer só um petisquinho mínimo ? Então pra que mostrar aquela bandeja só pra nos encher de água na boca? Claro que quando cresci desenvolvi várias teorias a respeito, a mais aceita é que ela comia tudo sozinha antes do programa iniciar, e depois preparavam uma bandeja só pra ela levar no palco pra distribuir. Ou vai ver o programa era gravado de tarde e aquele café da manhã era totalmente fake.


Avance para 6 minutos para ir direto pro café.

No fim das contas, tomar o café da manhã da Xuxa virou um dos meus sonhos de infância não realizados. O mais perto que cheguei disso foi com os famosos Cafés Coloniais da Serra Gaúcha. Visto que a Xuxa é gaúcha, não me surprenderia que ela tenha se inspirado no Café Colonial para criar o seu. Você que nunca teve a chance de desfrutar um, vou explicar como funciona: entre 2 e 6 da tarde, em vários locais da Serra Gaúcha se encontram lugares que por um preço como 20 ou 30 reais por pessoa oferece Cafés Coloniais, que nada mais são do que infinitas porções de tudo que tinha na bandeja da Xuxa e muito mais. Se eu fosse malandra mesmo, abria um e usava isso como marketing: ‘realize seu sonho, venha tomar o café da Xuxa’. Acho que iria fazer sucesso, já que não é só eu que tinha essa vontade.

PS: Apesar de tudo, adoro a Xuxa e não sou do grupo de detratores dela. Xuxa sempre será a rainha para mim. Sei que no fundo o café era só pra incentivar as refeições saudáveis.

Outro PS: Xuxa, se estiver lendo isso, me convide para um café da manhã na sua casa.

Ainda outro PS: Fugindo um pouco do assunto, o que será que tinha dentro da Nave? Será que era só fumaça mesmo? Ou uma fumaça especial tipo a de Lost ?

Personagens coadjuvantes do Tokusatsu que marcaram nossas vidas: Miya

Meio que copiando a Tati do Respeite meus Mullets, estou lançando posts temáticos no meu blog, mas claro, tudo com o meu jeitinho. A série de posts se chama ‘personagens coadjuvantes de tokusatsu que marcaram nossas vidas’. O personagem de hoje é a Miya, aquele bichinho meigo de Jaspion, que desperta reações que vão do amor ao ódio, passando pelo desprezo e compaixão.

A Miya era um ser galáctico (adoro essa palavra) que foi adotado por Jaspion no primeiro ou segundo episódio. Seu nome provem do latim Miya que significa ser que … sério agora, seu nome vem do fato que a criaturinha só fala Miya. Isso me leva a crer que Miya é a tatatatatatataravó (faltaram 14 tatas) dos Pokémons visto que eles sofrem da mesma síndrome de só conseguir repetir o nome (exceto pelo Meowth, é isso aí).

A Mia servia pra fazer a parte cômica junto com a Anri. E também pra virar aquelas reféns fáceis do Satan Goss e seus servos capturarem. Nunca morri de amores por esse personagem, mas também não nutro um ódio que vários fãs sentem só por ela ser meio chatinha e inútil. Mas o fato é que é um personagem marcante. Na época em que assisti Jaspion pela primeira vez, eu tinha usn 4 anos e achava a Miya bastante meiga, mas reassistindo aos DVDs lançados pela Focus filmes percebi que na realidade ela era meio feinha coitada.

No entanto, a pergunta que sempe ficou é: Qual o sexo de Miya. É um personagem homem ou mulher. Quer dizer, macho ou fêmea ? Ou será que criaturas espaciais que iniciaram a linhagem dos pokémons não tem sexo ? Seria Miya Hermafrodita como supostamente é Lady Gaga ? Só o tempo nos respoderá.

Ou o pássaro dourado.